"Quando Trabalho Com Alguém É Para Fazer Um Amigo" 1

“Quando Trabalho Com Alguém É Para Fazer Um Amigo”

O tecno, a eletrônica de quarto, o electro-pop, o ambient, o noise, o defeito, a música culta e a composição para cinema não seria o mesmo sem Ryuichi Sakamoto. O músico japonês, em troca, espera continuar aprendendo com os outros. E plantar árvores em todo o planeta. Playing the Piano é a tua primeira turnê em carreira solo desde o ano 2000. Ela revê seus focos mais conhecidos ao piano, o lado mais “comercial” esses shows.

Também nela a destacar as suas preocupações experimentais através de sua mais recente gravação, Out Of Noise (2009), um projeto solo de pesquisa sonora. Responsável com o seu tempo, organiza uma realização ecológica com zero emissões de carbono e cria florestas com tua nova iniciativa, MoreTrees (mais árvores).

Os clientes de música pop, terão problemas pra fazer a ligação pop na sua música, e os fãs do clássico se vêem em problemas para adoptarle. O que lhes diria uns e outros? Que é a minha música. Após todos estes anos, o

  • 4 Depois de Relógio do Infinito
  • Sapatos de cordões
  • Parque Nacional Los Alerces
  • Produtos plásticos
  • 1 corda: mi (e)
  • Se foi pros EUA para produzir o disco. Você necessita visualizar com a mudança de registo
  • Amor perdut
  • o Que poderá favorecer com a Espanha, a França, e que podes colaborar com a França, a Espanha

Desde que não era mais que um jovem eu tenho o meu piano virtual, na cabeça, e posso tocá-lo quando quiser. Não necessita ser o piano, pode ser qualquer coisa. Se leio uma partitura, a ouço na minha cabeça a acompanhar as notas. Quando escrevo, é a música que eu ouço saindo da minha mão.

Mas às vezes é agradável ter um aparelho, e o piano é com o que tenho vivido por mais tempo; para mim, ainda é a opção natural. A vida é muito longa, claro, e há tempo pra cansar-se ou aborrecer-se. Mas a todo o momento volta para o piano. Qual era o propósito de Out Of Noise?

Como foi a tua construção? Gravei o anterior, Playing the piano, há alguns anos. Assim que Out Of Noise é muito mais perto do meu atual estado de espírito. Queria combinar som, o ruído e o silêncio. Acho que a toda a hora tive a influência de John Cage, desde que era adolescente, e teu choque é ainda superior em mim.

Sim, sim, você é porção de mim! Queria, em algumas frases, fazer música do ruído. Eu queria fazer música do ruído que nos rodeia as vinte e quatro horas do dia o que Foi gravado no Ártico, na Groenlândia? Na realidade, parcela dele. Eu tive que destinar-se ao Ártico para um projeto distinto, no entanto ocorreu bem no meio da gravação de Out Of Noise. E mereceu a pena ir até lá, pra visualizar aquele cenário, acompanhar, ouvir e constatar a natureza.

É simplesmente fascinante, o universo de gelo e água. E aquilo me trouxe um monte de inspiração. Assim, ao voltar, a viagem me deixou uma potente impressão. Mas, finalmente, eu usei apenas 3 ou 4 fragmentos gravados perante essa ação, pode-se constatar no disco. Bom, a inspiração é ainda muito fresca e viva dentro de mim.

Post criado 551

Posts Relacionados

Comece a digitar sua pesquisa acima e pressione Enter para pesquisar. Pressione ESC para cancelar.

De volta ao topo